Madeiras apreendidas viram passarelas na praça Parque das Nascentes em Ariquemes


Madeiras oriundas da extração ilícita apreendidas pela Secretaria de Estado e Meio Ambiente (Sedam) estão sendo aproveitada para o bem social. Em Ariquemes, mais de 1,4 metros de maracatiara e faveiro estão sendo utilizadas na construção de passarela no entorno das duas lagoas na praça Parque das Nascentes.

O Parque das Nascentes é um projeto do Governo do Estado em parceria com a comunidade e empresários, que juntos estão revitalizando uma área de 25 mil metros quadrados que antes era alagada, tomada pelo mato e lixo, conhecida como o brejo do Setor 2, ao lado do Parque Açaí, e hoje está sendo transformada em uma linda praça para os ariquemenses.

A praça está sendo construída pela administração direta, por meio do Departamento de Estrada Rodagens e Infraestrutura (DER), gerando economia e agilidade. A mão de obra é dos reeducandos do projeto Construindo Liberdade sob a coordenação de funcionários do Estado. Entre ajudantes de pedreiro e carpinteiros, estão trabalhando dez reeducando.

De acordo com o encarregado da obra, Frankin Ribeiro, a passarela da menor lagoa com 100 metros de circunferência está em fase de acabamento, mas a da maior lagoa de 300 metros de circunferência, deve consumir mais 15 dias de trabalho. Quando concluir a construção das passarelas de madeira entorno das lagoas, será iniciado a construção do canal para escoamento da água da chuva.

A coordenadora do projeto Darlete Aguetoni destacou as lagoas como o diferencial da praça. Nelas serão colocados peixes da região e entre elas terá uma linda cascata. Além das duas lagoas, o Parque das Nascentes será reflorestado com árvores nativas, como ipê, açaí e pupunha, vai contar com academia ao ar livre, quadra de vôlei de areia, banquinhos, mesas, e jardim. Segundo Darlete, a praça será entregue a população dezembro.

Fonte: Assessoria

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação