Fecomércio parabeniza jovem de Ouro Preto por conquista de prêmio nacional em concurso de Agronegócio


A jovem rondoniense Morganna Medeiros, de Ouro Preto D´Oeste, sagrou-se vencedora do Programa CNA Jovem 2016, que foi realizado em Brasília. Ela e outros dois candidatos – um de Roraima e outro do Rio Grande do Sul, ganharam os três projetos temáticos do concurso que premiou as melhores ideias para o desenvolvimento da agropecuária do País.

O presidente da Fecomércio-RO, Raniery Coelho, destacou a premiação da jovem e citou o município de Ouro Preto como um dos grandes celeiros do agronegócio e do turismo rondoniense e o apoio que a cidade vem dando ao desenvolvimento da economia. Ouro Preto abraçou o projeto do Conselho de Turismo da Fecomércio e se transformou em estância turística, se tornando referência estadual no segmento turístico.

morgana

Morganna Medeiros

O Concurso que premiou a jovem Morganna Medeiros foi realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), autores do programa CNA Jovem, cujo principal objetivo é desenvolver novas lideranças para o campo e para o Brasil. O Programa é voltado para lideranças com idade entre 22 e 30 anos.

O CONCURSO

Nesse ano o Programa atingiu aproximadamente 500 jovens em todo Brasil, onde após as etapas Estaduais, 81 participantes foram classificados para participar da etapa nacional. Eles foram desafiados a elaborar projetos e propor soluções para os desafios da agropecuária brasileira. Desse total, 10 finalistas defenderam seus projetos.

Após uma maratona de conhecimento e imersão voltada ao empreendedorismo no setor agropecuário, os três projetos vencedores do CNA foram escolhidos de forma democrática pelos participantes da segunda edição do programa, equipe coordenadora, no último encontro, realizado na sede do Sistema CNA/SENAR, em Brasília.

Morgana Medeiros de Miranda ganhou com o projeto Sala do Produtor – Empreendendo o Campo. Ela e os outros dois campeões vão ganhar como prêmios uma visita técnica à Nova Zelândia, em março, e terão seis meses de curso de inglês, grandes oportunidades de empregos de altos níveis, sendo inserido entre os grandes desse setor.

“O Estado de Rondônia ganhou grande visibilidade com isso, principalmente em receber investimentos para incentivo a capacitação de jovens para permanecer no campo, pois a jovem Morganna mostrou muito bem a imagem e potencialidades do Estado, sempre frisando na sucessão familiar, e o quanto os jovens daqui se interessam, e querem alavancar o setor”, destacou o presidente da Fecomércio-RO, Raniery Coelho.

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação