Bombeiros de Rondônia recebem um helicóptero de resgate e 14 veículos


O serviço de operações aéreas do Corpo de Bombeiros ganhou, nesta terça-feira (16), um helicóptero Esquilo, com capacidade para seis ocupantes. A aeronave será utilizada em trabalhos de resgate, atendimento a doentes e suporte a ações na área de segurança. A entrega aconteceu nas instalações da Brigada de Incêndios do Aeroporto Jorge Teixeira.

O helicóptero custou R$ 1.724 milhão, dinheiro que foi doado pelo Tribunal Regional do Trabalho da 14º, operação que foi referendada pelo Ministério Público do Trabalho. A aquisição da aeronave foi proposta pelo comandante do Grupamento de Operações Aéreas (GOA), do Corpo de Bombeiros Militar, capitão Phelipe Maia Leite.

O oficial foi alvo de homenagens do comando do Corpo de Bombeiros. Ele recebeu uma réplica do primeiro avião adquirido pela corporação. Durante a cerimônia, o comandante geral da unidade, coronel Silvio Rodrigues , leu um elogio ao militar.

O comandante deu ênfase ao fato de que o capitão Maia lutou, desde que entrou para a corporação, para que a instituição fosse contemplada com um helicóptero. O coronel Rodrigues acentuou que a iniciativa do oficial deve servir de exemplo aos demais na caserna, pois demonstra interesse em contribuir para que a prestação de serviços seja aperfeiçoada.

A iniciativa do capitão Maia também foi citada pelo governador Confúcio Moura em breve discurso. Ele fez agradecimentos aos representantes do Tribunal Regional do Trabalho e do Ministério Público do Trabalho pela sensibilidade em atender a uma demanda de tamanha relevância social, como  a aquisição da aeronave.

ENCHENTE

Helicóptero .fotos de ésio mendes-16.02.2016   (5)

Governador entrega homenagem ao capitão Maia

Confúcio recordou a enchente histórica do rio Madeira, que ocorreu em 2014, e explicou que o Corpo de Bombeiros trabalhou muito para proteger a vida de famílias atingidas, inclusive transportando doentes para hospitais mais seguros. “Se tivéssemos uma aeronave como esta, o trabalho seria muito mais fácil”, arrematou.

O governador disse aos desembargadores do TRT e procuradores do MPT, que a doação foi destinada a uma instituição séria e que goza da confiança da população. “Certamente, o Corpo de Bombeiros encaminhará relatórios das operações realizadas com este helicóptero”, concluiu.

Como agradecimento, o Corpo de Bombeiros conferiu o diploma de amigo da instituição ao presidente do TRT 14ª Região, desembargador Francisco Pinheiro Cruz, ao vice-presidente Ilson Alves Júnior, ao juiz Ricardo Souza, ao procurador chefe do MPT, Marcos Gomes Cotrin e à procuradora Adriana Silva Candera.

Foram entregues, ainda, quatro caminhões autobomba-tanque, que serão utilizados na capital e nos municípios de Guajará-Mirim,  Jaru e Machadinho do Oeste, além de 10 veículos Adventure, para serviços administrativos no interior do estado.

IDARON

No mesmo evento, foram entregues à Agência de Defesa Agrossilvopastoril (Idaron) oito caminhonetes que serão utilizadas nos serviços das representações no estado. Para o presidente da instituição, José Alfredo Volpi, esta é mais uma ação que coloca o Idaron entre as melhores agências de fiscalização sanitária do país. Ele agradeceu ao governador pelo incentivo que concede para que o órgão siga bem equipado para atender as demandas da área.

Os veículos custaram cerca de R$ 950 mil e foram adquiridos com recursos da própria Idaron. A previsão, segundo Volpi, é que outros 75 veículos sejam adquiridos ainda neste ano.

Fonte: Secom / Nonato Cruz
Fotos: Ésio Mendes

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação