Semed inicia atendimento oftalmológico gratuito para alunos da rede municipal de ensino


A Secretaria Municipal de Educação de Porto Velho (Semed), por meio do Departamento de Saúde Escolar (DSE), iniciou hoje (11), uma série de consultas especializadas em oftalmologia, para alunos da rede municipal de ensino.

Ao todo, nesta primeira etapa, serão ofertadas 1.000 consultas, atendendo a educação infantil e fundamental. O atendimento acontecerá às segundas, terças, quintas e sextas-feiras, no contraturno escolar da criança, na Clínica Sol, vencedora do processo licitatório.

A iniciativa oferta consulta, exame e óculos de grau gratuitos para crianças das escolas municipais. O investimento total é de R$169.685,20, recursos do próprio Município. As consultas deverão ser concluídas em 90 dias.

Ao ser diagnosticado com a necessidade de uso de óculos de grau, o aluno o receberá na mesma semana. “Sabemos que a dificuldade de enxergar ou mesmo cansaço na visão podem atrapalhar o desempenho das crianças em sala de aula. Em alguns casos, elas podem nem querer ir mais à escola, pois vão aliar aquela dificuldade ao ambiente escolar. Queremos mudar esse cenário e garantir que as crianças que tenham algum desconforto visual sejam diagnosticadas e seu problema solucionado”, disse o secretário da Semed, César Licório.

As crianças poderão escolher a cor e modelo dos óculos. “Queremos que essa experiência seja a mais positiva possível”, observou. O secretário acrescentou que, na rede municipal, já é feita a triagem de acuidade visual para a identificação de problemas nos alunos. Um trabalho preventivo que tem como finalidade possibilitar a detecção precoce de dificuldades visuais e agilizar o encaminhamento dos mesmos.

“No dia a dia, nossos professores conseguem observar as dificuldades dos alunos, que geralmente reclamam de dores de cabeça, pedem para sentar mais na frente para visualizar melhor o quadro. E quando eles identificam essas dificuldades encaminham para o departamento de Saúde Escolar que toma as providências”, relatou.

Estimativa

Segundo o Ministério da Saúde, 30% das crianças brasileiras, em idade escolar, apresentam problemas de visão. Além disso, o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) estima que entre 3% e 10% dos brasileiros de 7 a 10 anos precisam usar óculos.

Fonte: Comdecom

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação