Palocci entrega provas de delação às vésperas das eleições


A delação de Antonio Palocci pode ganhar novos contornos, às vésperas das eleições.

Homologado em junho pelo desembargador João Pedro Gebran Neto, do TRF-4, o acordo firmado com a PF entrou imediatamente em fase de produção de provas e documentação, a fim de que a Justiça possa determinar a pena (e os benefícios) de Palocci.

E será justamente agora, em setembro, que a defesa do ex-ministro termina de entregar todo esse material para Gebran. A delação de Palocci envolve delitos cometidos nos governos Lula e Dilma Rousseff.

Fonte: Lauro Jardim

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação