Escola Municipal de Música Jorge Andrade está em novo endereço


A Escola Municipal de Música Jorge Andrade está em novo endereço, na rua Júlio de Castilho, número 1100, esquina com rua Álvaro Maia, no bairro Olaria. O antigo prédio, na Avenida Joaquim Araújo Lima (antiga Abunã), passará por reforma geral, segundo a diretora Dulcileia Borges de Oliveira. “O prédio não suportava mais pequenas reformas. Desde que foi inaugurada, no dia 27 de dezembro de 1988, nunca teve uma grande reforma, só serviços paliativos, de reparos. Nossa demanda cresceu muito, temos mais alunos e necessidade de um espaço mais amplo e mais confortável”, disse ela.

O processo para a reforma está em andamento e vai contemplar toda a parte elétrica, hidráulica e readequação de todo o prédio que é próprio da prefeitura. Já o novo local, segundo a diretora, mesmo que temporário, oferta um espaço mais adequado para atendimento aos 825 alunos matriculados na unidade e distribuídos nos três turnos.

Só este ano, são novos 300 alunos com a oferta de cursos de contrabaixo, teclado, piano, violão popular, violão clássico, bateria, guitarra, saxofone, flauta transversal, canto coral, musicalização infantil e juvenil e teoria musical.

A unidade conta com mais de 50 funcionários e foi à primeira escola pública de música criada em Rondônia, sendo responsável pela formação dos principais músicos de Porto Velho e ainda por muitos outros profissionais que atuam, na área, fora do Estado. “A Escola Jorge Andrade teve e tem um papel muito importante na vida de muitas pessoas. Aqui não ensinamos o aluno a apenas manusear um instrumento ou uma técnica vocal. Aqui transformamos vidas. A música proporciona isto. Ela contribui para o desenvolvimento psicomotor, socioafetivo, cognitivo e linguístico de crianças, jovens e adultos. Além disso, ajuda no processo de construção do conhecimento”, observou a diretora.

Dulcileia acrescentou que os resultados logo são percebidos. “Em pouco tempo é visível uma maior socialização, pessoas mais motivadas e concentradas. A música ajuda a desenvolver muitos aspectos, principalmente a sensibilidade, a memória, além do respeito ao próximo, por isso a importância de estar sempre investimento nas unidades geridas pela Semed”, destacou.

Investimento

Segundo o secretário municipal de Educação, Márcio Félix, muitas ações estão sendo realizadas para melhorar a oferta de ensino nessa área. “As nossas escolas de música estão recebendo toda nossa atenção. A Escola Som na Leste, por exemplo, foi toda climatizada. Uma espera de dez anos pela melhoria. A Jorge Andrade agora está em novo espaço e no concurso público da Semed 2019, ofertamos vagas para instrutores nas áreas de Violino/Violoncelo/Viola Clássica/Contra Baixo Clássico; Guitarra/Violão/Contra Baixo; Teclado; Clarinete/Saxofone/Flauta Transversal; Bateria/Percussão; Piano; Trombone de Vara; Trompete e Música/Canto e pretendemos fazer muito mais”, destacou.

Fonte: Comdecom

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação