Chrome começará a bloquear propagandas em ‘sites abusivos’ a partir de dezembro


O Google anunciou que o Chrome 71 vai tomar medidas enérgicas contra propagandas consideradas abusivas. A partir da próxima atualização, o navegador vai simplesmente banir todos os anúncios de sites que tenham sido denunciados pelos usuários. A expectativa é que o update seja liberado em dezembro.

De acordo com o Google, as experiências abusivas a serem combatidas pelo Chrome serão aquelas “criadas para enganar os visitantes de um site”. A empresa cita como exemplos anúncios que simulam mensagens falsas em aplicativos de comunicação, áreas com cliques inesperados, que redirecionam a página sem que haja interação do usuário ou que apresentem anúncios falsos, de phishing e marcas enganosas.

A partir do Chrome 71, o Google dará um período de 30 dias para que os donos do site se adequem às regras da empresa após a página ter sido reportada pelo usuário. Caso os desenvolvedores não atendam aos pedidos do Google, o navegador passará a bloquear todas as propagandas presentes na página, sejam elas abusivas ou não.

Por fim, o Google garante que os usuários poderão ter controle sobre o filtro de experiência abusivas e desliga-lo nas configurações do Chrome. A próxima atualização do navegador está prevista para chegar em dezembro. Logo, a empresa deve começar a adotar as primeiras punições a partir de janeiro de 2019.

Fonte: OlharDigital

0 Comentário

Nenhum comentário

Seja o primeiro

Deixe um comentário

Ao clicar em ENVIAR, aguarde nossa avaliação